Biografia

Minha foto

  • Formação: Tecnólogo em Segurança do Trabalho - UNISA - Universidade de Santo Amaro, Técnico em Segurança do Trabalho - Carneiro do Vale, Gestor Ambiental com Ênfase em Recursos Hídricos - Faculdade São Luiz de França.
  • Experiências Profissionais: Consultor em SST – MALG Consultoria - Paulo Afonso - BA

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Agressão no Trabalho




Firmeza em resposta minimiza agressões no trabalho




O que o profissional deve fazer ao ser alvo de agressão verbal no trabalho? Ficar quieto? Exigir desculpas? Para a psicóloga Barbara Berckhan, autora de "Como se Defender de Ataques Verbais" (ed. Sextante), todas as opções servem se o profissional for firme e souber reagir.
De maneira didática, ela descreve oito maneiras para responder a ataques.Entre as sugestões está a de piscar os olhos sarcasticamente ao ser insultado na empresa (leia outras abaixo). A estratégia, segundo a autora, "demonstra que o ofendido não se abalou com as palavras e não vai despender energia com respostas".
Há exemplos, contudo, que, de tão inocentes, soam cômicos. É o caso do diálogo fictício "ligue seu cérebro antes de abrir a boca" (agressor) e "estou aguardando pedido de desculpas" (ofendido).
No penúltimo capítulo, a autora inclui guia, no qual os leitores anotam os principais insultos recebidos e refletem sobre o que deveriam fazer para evitá-los.
Apesar de a obra não ponderar a eficiência das estratégias apresentadas, ela abre possibilidade para profissionais repensarem suas reações diante de agressões.


Nenhum comentário:

Postar um comentário